terça-feira, 24 de agosto de 2010

Melhor impossível!

As atualizações estão lentas mas meus treinos e minhas pernas e braços nem tanto, o mundial está chegando, ou melhor já chegou, dia 06 de setembro estou partindo e no dia 11 de setembro será minha prova. Data sinistra né, eita, hehehehehe.
Estou me sentindo muito bem mesmo, é incrível como estou rendendo nos treinos e consciente das minhas condições físicas, e essa fase boa veio no melhor momento possível, afinal essa é a prova mais importante, e para ela que passo o ano todo me preparando e focando. Se desanimo fecho os olhos e memorizo eu cruzando a linha de chegado lá em Budapeste, lembro da emoção de ter cruzado essa linha no ano passado na Austrália e me sentindo extremamente realizado por ter alcançado um resultado sensacional.
Estou treinando muito, ou melhor estou treinando como nunca, mantendo um ritmo alucinante de treinos que as vezes até eu mesmo fico impressionado em olhar minhas planilhas e ver o que fiz na semana, e isso me deixa muito confiante e aumenta mais ainda minha vontade de arrebentar no dia 11. Meu uniforme que vou usar lá na prova já chegou e ficou bem mais bonito do que o do ano passado.


No dia 15 de agosto fui a Manaus correr a 3ª etapa da Copa Brasil de Triathlon e fiz uma prova em partes muito boa, tirando alguns erros bobos da minha parte e alguns imprevistos que acabou me prejudicando bastante, mas não deixei isso me abalar, afinal fui para essa prova para ver como eu realmente estava e gostei demais do que vi, hehehehe. Muita coisa podia ter sido melhor mas da forma como aconteceu foi bom demais.
Nadei até bem, mas vascilei em um determinado ponto e perdi o primeiro pelotão, achei que estava bem posicionado mas quem saiu comigo da água sumiu na hora do pedal, resultado, pedalei sozinho todo o percurso e forcei o tempo todo tentando buscar o pelotão da frente e fugir do que estava atrás, foi até bom para mim pois forcei bem na bike e senti que os treinos estão dando muito certo. A corrida não foi muito como esperava, errei muito a transição, não sabia onde descer da bike, passei do ponto tive que voltar e para piorar com a sapatilha no pé, em outras palavras muito tempo perdido. Saí para correr meio afobado e isso acabou me quebrando na parte final da corrida, mas como disse, fora os erros foi uma prova que valeu muito para mim.
Fui 2º colocado Geral e 2º também na categoria.


Além do bem resultado tive o prazer de conhecer outro pedacinho do Brasil, esse país que tem uma diversidade sensacional. Manaus é muito diferente mas o que mais me chamou a atenção foi a beleza do Rio Negro onde nadamos, e o pôr do sol lá então é algo sem explicação, só vendo as imagens mesmo para entender.

Teatro de Manaus, já tinha visto esse belo ponto turístico no Programa do Jô, quando ia começar a propaganda, hehehehehehe.


Abraço a todos e bons treinos!!!!!

Um comentário: